Tambores Tucujus concorre ao #PrêmioExu de Música Afro-brasileira com a música Penacho de Ouro, composição de Fernando Baena.
10/04/2018 - 12h44 em Música

Penacho de ouro é uma música oferenda ao Rei das Matas, composta por Fernando Baena e defendida pelo grupo Tambores Tucujus. O grupo é de Macapá, no Amapá, e foi formado com a intenção de valorização da músicalidade afro-amazônica. O Tambores Tucujus movimenta a cena cultural amapaense com festivais de curimba e afoxés, além de apresentações em bares e eventos culturais.

A importancia de participar deste evento é dar oportunidades e divulgar nossos talentos, como musicos percussionistas, compositores, vocalista e dançarinos, focalizando a música de terreiro de matriz africana(tambor de mina e samba de angola), aonde dará, tambem, aos integrantes que participam do grupo tambores tucujus de interagirem com os demais grupos de outros estados atraves da troca de experiencia, desenvolvendo assim uma ação efetiva no sentido de divulgar as praticas que são desenvolvidas religiosas e culturais nas terras tucujus. Reynaldo Kayango, pelo grupo Tambores Tucujús.

A música "Penacho de ouro" será apresentada no dia 18 de abril a parttr das 19h - o Festival acontece no Espaço Cultural APOENA, na Av. Duque de Caxias, 450, em Belém/PA.

Foram 26 músicas de 14 compositores vindos de 3 estados da Amazônia Legal, Amapá, Maranhão e Pará, que inscreveram composições com as temáticas da valorização das lutas negras brasileiras e a ancestralidade africana e das encantarias e cabocos afro-brasileiros.

Para nós, da Rádio Exu, esse festival aponta a perspectiva da produção musical de combate ao racismo e da valorização d"o patrimônio artístico e cultural afro-brasileiro e afro-amazônic

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!